O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministro Dias Toffoli, participou, nesta sexta-feira (30), da palestra Democracia e Direitos, promovida pela Força Sindical na sede do Sindicato dos Metalúrgicos no centro de São Paulo.

Para Toffoli, apesar dos debates no Brasil atualmente focarem muito nas reformas previdenciária e tributária, pouco se fala sobre desenvolvimento e geração de empregos. “Não adianta querer procurar culpado pelo desemprego, nós temos é que criar políticas públicas que gerem empregos”, apontou.

O presidente lembrou suas visitas aos tribunais do país onde tem verificado a “extrema importância” da Justiça do Trabalho em um país com tantas desigualdades sociais. Ele recebeu ainda uma homenagem, em nome dos demais ministros do STF, pela suspensão da norma que admitia às trabalhadoras grávidas e lactantes desempenho das atividades insalubres.

Fake News

Em seu discurso, Toffoli destacou a criação, em junho deste ano, do Painel Multissetorial de Checagem de Informações e Combate a Notícias Falsas que reúne órgãos de diferentes áreas para atuar contra as chamadas Fake News.

“As redes sociais hoje, ao invés de promoverem a solidariedade e uma relação humana entre as pessoas, disseminam o medo gerando o ódio, colocando em risco valores democráticos”, afirmou.

O presidente enfatizou também que o Supremo está à disposição para ouvir as demandas dos trabalhadores brasileiros e finalizou sua participação apontando a importância de atos como aquele, que renovam o ânimo na luta pela garantia dos direitos dos cidadãos.

 

Notícias STF